Participe do nosso site!
Login:Esqueci a senha
Senha:
 
Psicologia, Psicanálise e Desenvolvimento Humano
Constelação Familiar • Hipnose • Visualização Criativa
Terapia em Grupo e Individual • Presencial e pela Internet
Cursos • Workshops
Expediente
Página inicial
Apresentação
Currículo Profissional
Na mídia...
Fale Conosco
Cadastramento
Para Você...
Artigos
Mensagens para Reflexão
Ler e Assistir na Cama
Material de Apoio aos Livros
Exercícios
Atendimentos
Psicologia
Psicanálise
Florais de Bach
Consultório Novo Equilíbrio
Consultório Virtual
Grupo de Orientação

 

Tema: Artigos

Dicas para deixar a Preguiça de lado e entrar em Ação


Dicas

O Carnaval terminou......o Novo Ano inicia agora.

É assim que definimos internamente quando colocaremos em prática todas as promessas que fizemos na passagem do Ano Novo.

É verdade ou não é?!

Imagino que não há uma pessoa sobre a face da Terra que não tenha pensado assim!

Todo ano iniciamos com várias promessas de superação e realização. O ano passa e nem lembramos o que tinhamos nos prometido fazer.

Isso acontece porque não nos reeducamos a organizar a nossa vida de forma que tudo seja no sentido da proatividade. Fixamos no desejo simplesmente e esquecemos o fundamental que é o planejamento para uma boa prática de realização.

Quero dizer, que em tudo que você queira realizar, já estará traçado um roteiro interno, porque ele já faz parte da sua rotina. Pensando e colocando em prática essa forma de ser, basta definir o objetivo para alcançá-lo, pois no caminho você já estará.

Esse Boletim vem como complemento ao anterior.

Siga algumas dicas para sair da Zona de Conforto e entre na Zona de Crescimento:

1. Exercite-se

Você pode se sentir preguiçoso se não tiver energia suficiente para seu dia a dia. Uma rotina de exercícios físicos deixa o corpo disposto e alerta, menos propenso a "baixas" energéticas.

2. Durma

Como você pode se sentir motivado e entusiástico se não dorme o suficiente? Problemas de sono muitas vezes decorrem de maus hábitos.

3. Determine um prazo curto para começar

A parte mais difícil de muitas tarefas é começar. Determine um prazo curto (5 a 15 minutos) para começar, de qualquer maneira. Se precisar refazer o início depois, o tempo necessário certamente será menor que a eterna protelação.

4. Visualize os benefícios

A preguiça se alimenta também da nossa visão do problema, e ver só as dificuldades da sua execução torna mais difícil começar a resolvê-lo. Imagine todos os benefícios que terá ao concluir seu dever, e será bem mais fácil colocar mãos a obra. O cérebro não distingue o real do imaginário. Por isso visualize o que quer realizar e antecipe mentalmente cada passo.

5. Estabeleça prêmios

Estabeleça para si mesmo um prazo para cumprimento da tarefa e um prêmio pela sua consecução. Entra como um bônus no pacote de benefícios.

6. Pense nas conseqüências do não cumprimento

Outro motivador para se vencer a preguiça é visualizar as conseqüências negativas de se entregar à inércia. Se os benefícios não são o suficiente para motivá-lo, pense no prejuízo financeiro, profissional ou emocional que vai ter se não fizer o que deve.

7. Encontre parceiros

Todos nós temos baixas em nossa motivação, e pessoas com interesses em comum podem ser o melhor apoio quando a vontade própria não é o suficiente. Peça ajuda! Pode ser um amigo ou mesmo um profissional que te ajudará a manter acesa a disposição necessária para atingir o seu objetivo.

8. Divida a tarefa em partes administráveis

Às vezes, a visão obscura que temos de um problema nos impede de definir por onde começar. Se está diante de uma questão complexa ou trabalhosa, divida o processo em etapas menores, administráveis, com prazos para início e conclusão para cada uma. A visualização do processo também ajuda. Você terá mentalmente os passos que seguirá e também aqueles que não são apropriados poderá antecipamente modificá-los inumeras vezes até que consiga o resultado que procura. Assim poderá colocar em prática na "real" e já estará mais familiarizado e tranquilo com o que deve fazer.

9. Faça uma coisa de cada vez

Não é da nossa natureza (embora esteja se tornando de nossa cultura) ser multi-tarefa. Organize seu pensamento e dedique-se a uma tarefa de cada vez. A concentração beneficia enormemente a criatividade e nosso potencial para resultados.

10. Descreva seu processo

Você se sentirá mais motivado se perceber com clareza como sua produtividade varia de acordo com a freqüência com que se entrega à preguiça. Uma maneira de visualizar este processo é registrar seu progresso diariamente, anotando quantas metas se propôs, quantas atingiu e como foi seu estado energético e emocional neste dia.

Leve essas dicas a sério e não desista! Repita, reajuste, recomece! Diante de cada resultado uma nova ação. Tenha certeza que com isso você chegará onde quer.

O ano está começando e você tem hoje a oportunidade de escrever no teu livro da vida aquilo que escolher e ao final deste ano ou muito antes disto, estará comemorando sua vitória.

   Comentários

Nenhum comentário até o momento. Seja o primeiro a comentar este artigo!!
Os comentários são moderados, serão analisados pela nossa equipe antes da publicação.


Mais tópicos relacionados:

ACONSELHAMENTO TERAPÊUTICO ON-LINE

Psiquiatria

Atitudes Transformadoras

Personalidade Construtora & Personalidade Destruidora

Desconstruções

Os problemas estão dentro ou fora de você?

Floral de Bach

Dicas para um Bom Relacionamento

Stress

Tensão Pré-Menstrual (TPM)

Dicas para deixar de fumar

Auto-Estima

Como está sua Auto-estima?

O Círculo Vicioso do Amor Imaturo

Repressão, Resistência e Ato Falho
Escondido, mas nem tanto...

Integração das Partes

Dinâmica das Partes

Esclarecimentos sobre Psicoterapia

Afirmações Positivas.......funcionam?

O Poder das Afirmações Positivas

Porque não comer carne?

As 5 Fases para a Realização do seu Projeto de Ano Novo

Dicas para o Controle de um Ataque de Ansiedade e/ou Pânico

Síndrome do Pânico

A Diferenciação das Consciências

Carência Afetiva, Autoestima e Simbiose nos Relacionamentos

Vítima eu ???

Forma-Pensamento

Constelação Sistêmica Familiar e Organizacional

Freud - A estrutura e a dinâmica da personalidade - Id, Ego e Superego

Autoconhecimento:
Fator Fundamental para o Sucesso!

A DOR DA SEPARAÇÃO - Enfrentando - Compreendendo - Superando

O LADO SOMBRA DA PERSONALIDADE

Complexo de Inferioridade, Aprofundamento e Reflexão

A Ansiedade e as Crenças

Razão e Emoção

Um Novo Olhar Sobre si Mesmo

Coaching ou Psicoterapia?

O Retrato da Vida na Terapia de Grupo

Dicas para deixar a Preguiça de lado e entrar em Ação

Psicoterapia é para quem Sabe o que Quer

O MAL-ESTAR NA CIVILIZAÇÃO

O Amor e os Relacionamentos

Grupo de Orientação Psicanalítica

Minha Vida Parou! - Reflexão e Exercício

Problemas no Relacionamento?! O que eu faço???

A Arte como Autoconhecimento

Qual é a Diferença entre Psiquiatra, Psicólogo e Psicanalista?


Novo Equilíbrio - Tel.: (11) 2605-3166 - E-mail: contato@novoequilibrio.com.br